Revista PIBIC/UENF “Conhecendo a Ciência”

Campos dos Goytacazes / RJ  |  Volume 8  |  nº 6  |  35 edição  | Dezembro de 2021


Clique aqui!

Dezembro / 2021

Ciência e cultura em prol do conhecimento

O senso comum prega que a ciência tem por base a razão e a busca incessante pelo conhecimento, enquanto as emoções ficam a cargo da arte. No entanto, pouco se reflete a respeito da relação entre uma coisa e outra. No mês em que a Villa (como é carinhosamente chamada a Casa de Cultura Villa Maria pelos campistas) completa 28 anos, o destaque vai para o projeto desenvolvido na antiga residência de Maria Queiroz de Oliveira, a “Finazinha”. Intitulado “Gestão Cultural da UENF 2020-2023”, o trabalho vinculado à Assessoria de Cultura da UENF tem como objetivo promover ações culturais a partir da articulação entre a UENF, o IFF e a UFF.

Leia aqui


Da UENF para o mundo!

A ciência rompe fronteiras e gera grandes oportunidades. Fabrício Almeida, que cursou a graduação de Licenciatura em Ciências Biológicas e o mestrado na área de Biotecnologia Vegetal na UENF, foi aprovado em um criterioso processo seletivo para realizar o doutorado em um dos maiores laboratórios de biotecnologia do mundo, localizado na Bélgica.
Leia aqui


Estudantes de iniciação científica publicam suas pesquisas em inglês

Em 2020, estudantes premiados no CONFICT & CONPG foram convidados a participar de um workshop de redação científica em inglês, promovido pela Assessoria de Assuntos Internacionais e Interinstitucionais (ASSAII) da UENF. Como produto final, os estudantes publicaram seus trabalhos em uma edição especial da Revista Conhecendo a Ciência. Divulgada no mês de outubro de 2021, a edição conta com um compilado de artigos em inglês produzidos pelos estudantes sobre os assuntos de suas pesquisas. O workshop foi ministrado pelo Prof. Humberto Fernandes e a produção dos artigos teve como objetivo promover a internacionalização da UENF, um projeto em andamento que vem ganhando força.
Leia aqui


Pesquisa investiga modificações celulares, metabólicas e moleculares que podem formar tumores

A Iniciação Científica abre portas aos estudantes, pois permite o aprofundamento dos temas relacionados à área escolhida por cada um. A experiência de se tornar um pesquisador ao entrar na universidade é um grande desafio e uma conquista significativa. Larissa Freitas Artiles Gonçalves, de 20 anos, cursa Bacharelado em Ciências Biológicas na UENF e iniciou bem cedo na IC.
“Sempre gostei da área de Ciências da Natureza, e depois de pesquisar e conhecer as áreas e carreiras associadas, me encontrei na biologia. No dia que vi o resultado e que tinha conquistado a vaga na universidade, senti que estava realizando um sonho. Logo no início do curso, entrei em contato com professores das disciplinas e percorri os laboratórios, conhecendo as áreas de pesquisa. Identifiquei-me com a linha do meu laboratório atual e concorri à bolsa de Iniciação Científica, tendo a oportunidade de aprender muitas coisas relacionadas à minha área. Trabalhando em meu projeto de pesquisa, tenho expandido os conhecimentos aprendidos, sempre tentando aproveitar ao máximo as reuniões e discussões sobre artigos e dados gerados no nosso grupo, aprendendo com demais estudantes de IC, mestrandos e doutorandos, e com os meus orientadores.”, conta Larissa.  Leia aqui


Estudante de IC realiza mapeamento de ministros que passaram pelos governos brasileiros

Pesquisar é uma importante ferramenta de conhecimento. A curiosidade conduz a grandes descobertas e, hoje, com a tecnologia à disposição, a informação tornou-se mais acessível. O estudante de IC, Laurent de Souza Auburtin, de 21 anos, nasceu em Nova Friburgo-RJ e cursa Ciências Sociais na UENF, onde pesquisa sobre política.
“Às vezes caímos na precipitação de achar que pesquisar é algo simples, ‘só dar uma googleada’, mas na IC as coisas se mostram como realmente são. É como um rito de passagem profissional, começamos a ver as coisas com outros olhos. Imagino como isso seria motivador para um aluno que esteja pensando em largar. Para mim, definiu que meu caminho é por aqui mesmo, continuar estudando a política como realmente é, não como deveria ser, observar o que aconteceu e o que acontece.”, diz o estudante.
Laurent começou na Iniciação Científica no segundo ano da graduação (em 2020) e foi premiado no XIII CONFICT, em 2021. Ele revela que foi uma oportunidade de se aprofundar em sua área de interesse: a ciência política.  Leia aqui


A técnica de correlação de imagens digitais (DIC) aplicada ao estudo do comportamento do solo é alvo de pesquisa

A chegada à universidade é um período de grandes desafios. Passar por essa etapa muito cedo, ao sair do Ensino Médio, requer ainda mais dedicação, uma vez que muitas decisões são colocadas diante do jovem para que sejam tomadas em um curto período de tempo. No entanto, essa caminhada garante conquistas que fazem valer a pena todo o esforço. É o que conta a estudante de Engenharia Civil, Caroline Zanette Macedo, de 24 anos.
Nascida em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, Carolina cursou o Ensino Fundamental na rede privada e o Ensino Médio na rede pública, no Instituto Federal do Espírito Santo. Atualmente, ela se encontra no último período da graduação em Engenharia Civil na Universidade Estadual Norte Fluminense Darcy Ribeiro, colhendo os frutos de sua trajetória acadêmica. Leia aqui


Estudo investiga os meios de cultura e os tipos de vedação dos frascos no cultivo in vitro de orquídeas

Dentro da universidade, o estudante tem a oportunidade de aplicar conceitos que são aprendidos em sala de aula, a fim de investigar, testar e colher resultados. Assim, os resultados colhidos, publicados ou apresentados em congressos tem o objetivo de melhorar algum processo que trará benefícios à sociedade. É por isso que é tão importante incentivar e divulgar o fazer científico. O estudante Vinicius de Freitas Manhães, de 21 anos, nascido em Campos dos Goytacazes, cursa Agronomia na UENF e tornou-se um pesquisador durante a sua trajetória na Iniciação Científica.
“Estou no 7° Período do curso de Agronomia na UENF e também sou Presidente da Engloba Consultoria (Empresa Júnior de Engenharias da UENF) para a gestão 2022. A Iniciação Científica tem um significado muito importante na minha vida, pois foi uma das melhores experiências que tive na UENF. Entrei na IC em meados de 2018, no meu segundo período do curso e me mantive na bolsa por três anos, adquirindo muita experiência e vencendo muitos desafios. Aprendi a trabalhar na pesquisa com uma cultura que sempre foi uma paixão: as orquídeas. Tendo o apoio da minha orientadora Profª Virginia Carvalho e dos parceiros de laboratório, consegui crescer muito como pessoa e como profissional, ficando mais confiante com meu trabalho e em apresentações em público.”, relata o estudante.
Leia aqui


 

Clique aqui!

Dezembro / 2021

Apresentação:

A Revista “Conhecendo a Ciência”, produzida pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UENF, tem como objetivo divulgar os trabalhos científicos desenvolvidos por bolsistas e voluntários que participam do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (PIBi/UENF). Nosso público alvo está além da comunidade acadêmica, pois pretende atingir toda a comunidade em geral e especialmente o público jovem, a fim de despertar o interesse para a Ciência e a Tecnologia através da aproximação Sociedade-Universidade.

A revista iniciou em 2014, com financiamento do CNPq, sob a coordenação da Profa. Adriana Jardim de Almeida. A partir de 2016, a Profa. Maria Cristina Gaglianone passou a coordenar a Revista, que atualmente conta com apoio da Editora da UENF (EdUENF) e da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários, através das bolsas concedidas a participantes da equipe.

Corpo Editorial:

  • Profª Maria Cristina Gaglianone
  • Profª Rosana Rodrigues

Equipe:

  • Camilla da Silva Mendes – Licenciada em Letras – Bolsista Universidade Aberta (Proex)
  • Chris Anne de Arruda – Tecnóloga em Design gráfico – Bolsista Universidade Aberta (Proex)
  • Josivane da Silva Machado – estudante de graduação – Bolsista de Extensão (Proex)
  • Miguel de Araujo – Tecnólogo em Design gráfico – Voluntário
  • Natan Machado dos Santos – Programador – Bolsista Universidade Aberta (Proex)

Contatos:

Endereço: Av. Alberto Lamego, 2000. Parque Califórnia. Campos dos Goytacazes, RJ. CEP 28013-602

E-mail: revista.pibict@uenf.br