Pesquisadores convidam comunidade a participar de pesquisa sobre COVID-19

Os professores Enrique Medina-Acosta, do Laboratório de Biotecnologia da UENF (LBT), e Isabel Candia Nunes da Cunha, do Laboratório de Reprodução e Melhoramento Genético Animal (LRMGA) da UENF, convidam a comunidade a preencher um formulário na internet que visa explorar a elegibilidade para participação em uma pesquisa científica (PETCOVID19) sobre a saúde dos animais de companhia (PETs) durante a pandemia da COVID-19. Acesse aqui o link do formulário on-line.

O projeto “PETCOVID19: Interface da pandemia com a saúde do seu PET”, coordenado pelo professor Enrique, tem como objetivo identificar possíveis casos de infecção por SARS-CoV-2 em animais de companhia, bem como caracterizar as variantes do vírus por metagenômica, visando fornecer fundamentação científica como guia para políticas em saúde animal e pública.

”Não há evidências de que os pets possam transmitir o vírus que causa a COVID-19 às pessoas. Contudo, sabe-se que um número muito pequeno de animais de estimação no mundo foi infectado pelo vírus SARS-CoV-2 após contato próximo com pessoas com a COVID-19. Urgem estudos epidemiológicos para saber e compreender como diferentes animais podem ser afetados por este vírus, bem como a maneira como isso pode afetar a saúde animal e humana”, afirma o professor.

Segundo ele, o formulário é um instrumento de pesquisa que tem como finalidade a realização de um primeiro levantamento epidemiológico para que se verifique qual a percentagem de pets convivendo com pessoas que apresentem síndrome gripal, suspeita clínica ou confirmação laboratorial de COVID-19.

Após a análise dos dados provenientes do formulário online, os moradores do Norte Fluminense serão convidados a preencher um outro questionário. Se elegível, o animal passará por uma consulta veterinária para a coleta de amostras de saliva e fezes em swabs (esfregaços) para testes moleculares específicos para o coronavírus SARS-CoV-2. As amostras biológicas positivas seguirão para o estudo de metagenômica viral, que consiste no sequenciamento do genoma do coronavírus, visando traçar as relações genéticas com amostras caraterizadas por outros grupos de pesquisa no mundo.

Os resultados do inquérito epidemiológico serão utilizados na proposição de medidas de prevenção de transmissão do vírus SARS-CoV-2, fornecendo fundamentação científica como guia para políticas em saúde animal e pública.

O projeto tem como vice-coordenadora a professora Isabel Cândia Nunes da Cunha e a participação de mais cinco professores da Universidade: Carlos Eduardo Veiga de Carvalho, Antônio Peixoto Albernaz, Fernanda Antunes, André Lacerda de Abreu Oliveira e Carlos Ramón Ruiz Miranda.

Participam também a professora Thais Louvain de Souza, da Faculdade de Medicina de Campos (em pós-doutorado na UENF); o médico Vitor Motta Carneiro (responsável pela Unidade de Cuidados Intensivos em COVID-19 na Beneficência Portuguesa de Campos / Secretaria Municipal de Saúde); a professora Ana Tereza Ribeiro de Vasconcelos (da Unidade de Genômica Computacional Darcy Fontoura de Almeida do Laboratório Nacional de Computação Científica – Petrópolis RJ), além de diversos colaboradores da UENF e de outras instituições científicas.

Fechar Menu