Pau Brasil

Paubrasilia echinata (Lam.) Gagnon, H.C.Lima & G.P.Lewis

Pau Brasil no campus Leonel Brizola. Foto: Christian Ribeiro

 

Família: Fabaceae 

Nome popular: Pau brasil

Origem: Brasil

Distribuição Geográfica

Ocorrências:

  • Nordeste (Alagoas, Bahia, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Sergipe)
  • Sudeste (Espírito Santo, Rio de Janeiro)

Domínios Fitogeográficos 

  • Mata Atlântica

Fonte: Flora do Brasil, 2020 (clique aqui)          

 

Suas folhas são compostas bipinadas, com 5 a 6 pares de pinas e apresentam coloração verde.  Foto: Christian Ribeiro

 

Inflorescência do pau brasil.  Foto: David Pessanha Siqueira

 

Na inflorescência do pau brasil, podemos observar as várias fases de suas flores, que amadurecem da base para a extremidade.

 

As flores do pau brasil, na antese, apresentam pétalas e sépalas amarelas, com exceção de uma sépala verde e uma pétala com mancha vermelha.

 

As flores apresentam 10 estames e 1 carpelo.

 

A flor do pau brasil apresenta ovário súpero e alongado.

 

O interior de seu tronco apresenta superfície de coloração vermelho-alaranjado, que contrasta com a casca de cor cinza.            Foto: David Pessanha Siqueira

 

Curiosidades:

  • O pau brasil é a nossa madeira símbolo, representando o primeiro grande ciclo econômico do Brasil. O extrativismo durou até 1875, com exportação do pau-brasil para a fabricação de corantes, construção naval e marcenaria de luxo. Em 1605, apenas 105 após o descobrimento do Brasil pelos portugueses, já se falava em medidas de proteção, mas elas nunca surtiram muito efeito. Sua coloração vermelho-fogo era utilizado no tingimento de linhos sedas e algodão nas cortes europeias.
  • O pau-brasil é protegido por uma lei exclusiva (clique aqui)
  • A madeira é pesada, lisa e dura e  altamente resistente a organismos xilófagos.
  • A madeira do pau-brasil é excelente para a fabricação de arcos de violinos e outros instrumentos musicais.